Médico de Trump fala do seu sono

O médico do presidente norte-americano, Donald Trump,  Ronny Jackson, disse no mês passado à comunicação social, por ocasião do seu relatório médico anual, que Trump  fica bem com cerca de quatro ou cinco horas por noite porque “é uma das poucas pessoas no mundo que precisa dormir pouco, que tem um sono curto.”

Recorde-se que Trump disse aos jornalistas durante a campanha eleitoral de 2016 “que não dormia muito, apenas três, quatro horas. Durante a noite gosto de estar on line, escrever tweets, enviar mensagens”, disse o então candidato republicano à Casa Branca.  

A chamada “elite sem sono”, que precisa apenas de uma pequena quantidade de sono todas as noites, em vez da média de sete a oito horas que as pessoas comuns necessitam, representa segundo os cientistas cerca de 1% da população mundial.

Segundo alguns estudos, estas pessoas com “sono curto” tendem a acordar cedo, mesmo nas férias e fins-de-semana, a serem mais optimistas e mais activos fisicamente. Muitos referem que nem precisam de café para se sentirem enérgicos.    

You must be logged in to post a comment