Crianças tailandesas foram resgatadas a dormir  

Várias crianças tailandesas, do grupo de 12 salvas da gruta onde estiveram presos durante 17 dias, foram “transportadas a dormir” pelo interior dos 4 km da gruta, disse um mergulhadores tailandeses aos jornais do país asiático. Outros estavam meio adormecidos, segundo a mesma fonte.

O primeiro-ministro tailandês, Prayuth Chan-o-cha, disse que às crianças foi dado um “ansiolítico leve “para ajudar a acalmar os seus nervos, mas negou que lhes tenham sido dados sedativos.

Começam, entretanto, a  saber-se pormenores sobre a vida dos rapazes, que pertenciam a uma equipa de futebol, e do seu treinador durante o tempo em que estiveram presos na gruta. A estratégia passou por permanecerem quietos ou a dormir muitas horas para perderem o mínimo de energia.  As crianças acabaram por emagrecer apenas dois quilos nos 17 dias em que estiveram presas.

 

You must be logged in to post a comment