“Insónia duplica na menopausa”

A menopausa é uma fase da vida da mulher onde a qualidade do sono diminui bastante. Segundo Teresa Paiva, em declarações ao iSleep, “ vários estudos sobre a insónia nas mulheres revelam que, antes da menopausa, 20 a 30 por cento têm insónia e, depois da menopausa, esse número passa para 60 por cento”.

Para a médica neurologista e especialista em medicina do sono, “a diminuição do hormónio estrogénio nas mulheres com menopausa é um dos factores que aumentam as queixas de insónia”

“Outro factor que contribui para a insónia nestas mulheres tem a ver com as     modificações sociais que ocorrem nesta fase, a chamada síndrome do ninho vazio, de supermãe passa a ter a casa vazia devido à partida dos filhos, o que causa sentimentos de que já não é necessária e diminui a sua auto-estima.”

Teresa Paiva refere que a mulher tem outra fase da vida onde o seu sono também é prejudicado por razões culturais. “É culturalmente aceite como normal que uma mãe com filhos pequenos não durma bem durante dois ou três anos. Mas esta visão é completamente errada, porque vai destruir a mulher, provocar insónia e também não é bom para a criança”, refere a especialista.

You must be logged in to post a comment