“Ficou muito espantada ao saber que ele sofria de insónias”

O escritor e filósofo romeno Emil Cioran conta uma história divertida sobre a insónia no seu livro de fragmentos “Do Inconveniente de ter Nascido”.

“Um professor de um país de Leste conta-me que a mãe dele, uma camponesa, ficou muito espantada ao saber que ele sofria de insónias. Quando o sono não vinha, bastava-lhe, a ela, imaginar um vasto campo de trigo ondulado pelo vento, e adormecia imediatamente. Com a imagem de uma cidade não obteríamos o mesmo resultado. É inexplicável, é miraculoso que um citadino consiga alguma vez pregar olho”.

In E. M. Cioran, Do Inconveniente de ter nascido, Letra Livre, Lisboa 2010

Partilhar: