Há alunos a entrar às 8 horas e 15 da manhã! Afecta o rendimento escolar?

estudantes

Há algumas escolas em Portugal que estão a começar as aulas às 8 horas e 15 da manhã em muitas turmas, de vários anos de escolaridade, como é o caso da Escola Secundária Vergílio Ferreira, em Lisboa. Segundo apurou o iSleep, este horário de início das aulas foi adoptado nesta escola pela necessidade de cumprir o estipulado  sobre o tempo que deve mediar entre a hora de almoço dos alunos e a hora de começo das aulas de educação física.

Este horário madrugador pode, no entanto, colocar problemas de rendimento académico dos alunos. Na semana passada, no Congresso Mundial de Educação, que decorreu em Lisboa, o neurologista Alexandre Castro Caldas,  director do Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa, defendeu que o rendimento académico dos alunos pode ser melhorado se o horário escolar for adaptado ao ritmo de sono dos adolescentes, que se deitam mais tarde. O especialista exemplificou que nos EUA os resultados dos alunos melhoraram quando se decidiu começar as aulas mais tarde. “Os miúdos estavam mais despertos, conseguiam trabalhar melhor. É preciso perceber os horários de sono dos adolescentes”, afirmou à agência Lusa.

Castro Caldas considerou ainda que presença de actividades na escola como teatro e a música pode contribuir para melhorar o rendimento dos alunos: “O teatro, por exemplo, é uma forma de estimular a memória [porque] é preciso decorar um texto”.

“As pessoas trazem a ideia de que é preciso introduzir muito cedo os computadores na escola, mas Portugal é dos países com mais computadores e se calhar não é o mais correcto, porque Portugal não é dos que têm melhores resultados”, sustentou à agência Lusa.

 

 

Partilhar: