“Temos uma cultura da insónia”

Teresa Paiva foi uma das entrevistadas na Noite Europeia dos Investigadores que se realizou a 24 de setembro de 2021 no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa, uma iniciativa do Centro Ciência Viva. A entrevista foi conduzida por Bernardo Peixoto.

“Há a ideia de estar sempre on, a trabalhar muito, funcionar no limite, a ideia de que quem dorme pouco é inteligente. É uma ideia estúpida que temos de afastar. Temos uma cultura da insónia”, disse Teresa Paiva.

“O nosso corpo só funciona bem se estivermos em equilíbrio. Precisamos de estar off, não podemos funcionar fora das regras da natureza. Há redes neuronais que precisam de estar off”, acrescentou.

A especialista do sono falou sobre os graves efeitos da privação do sono, quer na saúde de cada um, quer nos seus efeitos sócio-económicos.

“Tenho doentes que passaram a vida inteira a dormir quatro, cinco horas e hoje não conseguem dormir”, o que aumenta o risco de demências, acidentes cardio-vasculares, cancro.

“Nos cinco países mais ricos do mundo, a falta de sono custa 1,9 a 3,5 por cento do PIB. Perder o sono é caríssimo”.

Sobre a Pandemia Covid-19, Teresa Paiva adiantou:

“Fizemos um estudo que nos deu a indicação que 50 por cento das pessoas passaram a dormir pior com a Pandemia e 4 por cento melhor, certamente os que não estiveram tão sujeitos ao stress do trabalho e a levarem os filhos à escola. Os restantes mantiveram o sono igual”.

No final, o entrevistador Bernardo Peixoto perguntou à médica em que consiste uma consulta de sono.

“Faço primeiro a história pessoal do doente, o trabalho, a família, os hábitos, os traumas, durante mais ao menos 45 minutos. Só depois faço perguntas sobre o sono. No final, podemos marcar um registo de sono, porque é essencial fazer a sua medição objectiva. Há muitas pessoas com um erro de pecepção  do sono, doentes que pensam que dormem pouco mas dormem mais, doentes que acham que dormem muito mas dormem pouco”, referiu Teresa Paiva

Pode consultar esta iniciativa do Centro Ciência Viva no seguinte endereço electrónico:

Noite Europeia dos Investigadores – Pavilhão do Conhecimento – Centro Ciência Viva

 

 

Partilhar: